AD – Ministério vai expandir programa que leva internet a regiões isoladas

0
3


O Ministério das Comunicações vai expandir o programa que leva conexão de internet a regiões distantes, isoladas ou a pontos que precisam da tecnologia. É o programa GESAC que voce vai conhecer na reportagem de Renata Maia. Mesmo ao lado da capital do Brasil, um local longe da tecnologia. Este posto de saúde fica em Samambaia, cidade a 30 km do centro de Brasília que não tem internet. A conexão vai vir agora com o novo edital do GESAC. O programa GESAC foi criado em 2002 para levar internet de graça aos locais onde a rede não chega. Hoje ele atende 13 mil pontos em todo o país. Com o novo edital do programa, este número vai subir para quase 31 mil. O GESAC leva internet, por exemplo, a regiões de fronteira, quilombos e até ao meio do Oceano Atlântico como a Ilha da Trindade, que fica entre o Brasil e a África. A grande novidade deste edital é o atendimento a aproximadamente 13 mil unidades básicas de saúde, postos de saúde em todas as regiões do país, também atendimentos a novos pontos de cultura mantendo a conexao de escolas , centros de atendimento social e telecentros dentro de nossa política de inclusão digital. No novo edital , 25 mil pontos vão ser terrestres. O restante vai vir dos sinais de satélite. E tem mais mudança. A velocidade passa de 512 Kbps por 1 Mbps. O percentual de rapidez que precisa ser garantido sobe de 6 para 10 por cento. Estamos fazendo, ao mesmo tempo que garantimos, o objetivo inicial do programa, que é o atendimento a populações remotas do país, uma maior expansão visando a atender a outros programas do governo federal. Além de incluir mais pontos, o edital do GESAC vai permitir a continuidade das conexões que existem hoje. É que a substituição dos serviços vai ser feita aos poucos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here